Dicas

Chá verde: benefícios e para que serve

Chá verde ajuda a emagrecer, previne doenças cardiovasculares, doença de Alzheimer, entre outros benefícios.

O chá verde é uma bebida feita a partir da planta Camellia sinensis, assim como outros tipos de chá tais quais o chá preto, o chá branco e o oolong. O que difere todos esses tipos de chá é o processo de preparação de cada um, que garante distintas propriedades medicinais, de textura, aroma e sabor.

  • Camellia sinensis: para que serve o “verdadeiro” chá

Carregado de antioxidantes, o chá verde proporciona benefícios para a função cerebral, perda de gordura, prevenção contra o câncer, entre outro benefícios. Confira:

Benefícios do chá verde

1. Melhora a saúde

Muitos dos compostos vegetais existentes nas folhas da Camellia sinensis ainda estão presentes no chá verde, conferindo significativa quantidade de polifenóis, substâncias que reduzem a inflamação e o risco de câncer.

Cerca de 30% do peso do chá verde é composto por polifenóis, incluindo grandes quantidades de uma catequina chamada EGCG, um antioxidante natural que ajuda a prevenir danos às células, entre outros benefícios.

Estas substâncias podem reduzir a formação de radicais livres no organismo, protegendo as células e moléculas de danos, envelhecimento precoce e todos os tipos de doenças.

EGCG (Epigalocatequina Gallate) é um dos compostos mais poderosos no chá verde. Ele tem sido estudado para tratar várias doenças e pode ser uma das principais razões pelas quais o chá verde tem propriedades medicinais tão poderosas.

O chá verde também possui minerais importantes para a saúde.

2. Melhora a função cerebral

Além de manter a pessoa acordada, o chá verde melhora a função cerebral. Seu principal ingrediente ativo é a cafeína, um estimulante. Entretanto, o chá verde não contém tanta cafeína quanto o café, o que confere uma melhor resposta do organismo, sem causar agitação e ansiedade.

O chá verde também contém L-teanina, um aminoácido que proporciona efeitos anti-ansiedade, aumenta os níveis de dopamina e a produção de ondas alfa no cérebro.

Estudos mostraram que a cafeína em combinação com a L-teanina possui efeitos sinérgicos, melhorando a função cerebral (confira aqui os estudos: 12).

3. Queima gordura e melhora o desempenho físico

Se você buscar por uma lista de alimentos que ajudam a emagrecer certamente encontrará o chá verde entre os ingredientes da lista.

Dois estudos mostraram que o chá verde aumenta a queima de gordura e acelera o metabolismo de humanos.

Um outro estudo, realizado com dez homens, concluiu que o chá verde aumenta o gasto de energia em 4%.

Outro estudo mostrou que o chá verde aumenta a oxidação da gordura em 17%.

4. Diminui o risco de câncer

O câncer é causado pelo crescimento descontrolado de células. O dano oxidativo contribui para o desenvolvimento de câncer; os antioxidantes, por outro lado, exercem um efeito protetor contra o câncer. E o chá verde é uma excelente fonte de antioxidantes.

Um estudo mostrou que mulheres que consumiram chá verde apresentaram de 20% a 30% menos riscos de desenvolvimento de câncer de mama.

Outro estudo mostrou que homens que consumiram chá verde apresentaram 48% menos chance de desenvolver câncer de próstata, o câncer mais comum na população masculina.

Uma análise de 29 estudos concluiu que pessoas que consomem chá verde têm 42% menos chance de desenvolver câncer colorretal.

Mas, não coloque leite no seu chá, pois, de acordo com um estudo, ele reduz a quantidade de antioxidantes.

5. Diminui o risco da doença Alzheimer e de Parkinson

A doença de Alzheimer é a doença neurodegenerativa crônica mais comum em humanos e lidera as causas de demência. O mal de Parkinson vem em segundo lugar, e está relacionado à morte de neurônios produtores de dopamina no cérebro.

Alguns estudos mostraram que os compostos de catequina presentes no chá verdeproporcionam efeitos protetores sobre os neurônios de animais, reduzindo potencialmente o risco de desenvolvimento de doença de Alzheimer e Parkinson (confira aqui os estudos: 345).

6. Diminui o risco de infecções

As catequinas presentes no chá verde têm a propriedades de matar bactérias e inibir o crescimento de vírus como a da influenza, diminuindo o risco de infecções (confira aqui estudos sobre: 6789).

7. Melhora a saúde bucal

Estudos concluíram que o consumo de chá verde em conjunto de uma boa higiene bucal está associado à melhora da saúde bucal e ao menor risco de desenvolvimento de caries (confira aqui os estudos: 10111213).

Outros dois estudos também concluíram que o consumo de chá verde reduz o mau hálito.

8. Diminui o risco de diabetes tipo 2

A diabetes tipo 2 está relacionada a elevadas taxas de açúcar no sangue causadas por resistência a insulina ou incapacidade do organismo produzir insulina.

Um estudo concluiu que o chá verde melhora a sensibilidade à insulina e reduz as taxas de açúcar no sangue.

Outro estudo concluiu que as que consumiram chá verde tinham 42% menos risco de desenvolvimento de diabetes tipo 2.

9. Reduz o risco de doenças cardiovasculares

Um estudo concluiu que o chá verde pode melhorar os níveis de colesterol e triglicérides. Outros dois estudos concluíram que o chá verde melhora a capacidade antioxidativa do sangue. Esses fatores estão relacionados e, em conjunto, promovem a saúde cardiovascular.

Comentários

comentários