Maringá

Maringá é uma cidade transformada em canteiro de obras

Maringá está um canteiro de obras ao ar livre. Além da movimentação da campanha Maringá Encantada que oferece ampla programação para as famílias, há obras em andamento em diferentes regiões. Resultado da participação popular em audiências como as que o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Maringá (IPPLAM) faz sobre o Plano Diretor. Assim, a população participa do desenvolvimento da cidade opinando sobre as necessidades de cada bairro. A prefeitura programa investimentos que melhoram a vida da comunidade. Como aconteceu na avenida Carlos Borges.
O Terminal Intermodal está quase pronto. Investimento de aproximadamente R$ 60 milhões melhorará não só o cenário ao redor, como também serviços para quem usa o transporte público. Incluindo terminal, corredores de ônibus e plataformas.
Amanhã, 29, acontece a assinatura da ordem de serviço para reforma do Aeroporto Silvio Name Júnior. Investimento de R$ 81,5 milhões em parceria com governo federal ampliará serviços e atrairá mais voos e passageiros para o aeroporto maringaense. Hoje, 28, tem inauguração do Meu Campinho em Floriano. É 12ª unidade do complexo de diversão em parceria com governo estadual. Outros sete serão entregues esse ano. somando 19. Espaços de lazer criam opção de lazer e convivência para a comunidade.
Outras obras no segmento estão na reforma das praças. Duas em andamento – Rocha Pombo e Farroupilha – e outras na agenda: praça Emiliano Perneta, na Vila Operária; praça de Todos os Santos, na Zona 2; e Raposo Tavares, no centro. Sem contar a Praça do Bem, ao lado do Parque do Ingá, e ao lado o Largo das Garças.
Já relacionando lazer, prevenção e promoção da saúde, há investimentos na reforma dos Centros Esportivos (CEs). CE do Miosótis está pronto e será entregue em breve. Na fila Centro Social Urbano, na Vila Morangueira; Otávio Junior, na Zona 5; CE Edith Dias, no Borba Gato; CE Três Lagoas; CE Helentom Ribeiro, em Iguatemi; e CE Pioneiro Joaquim Pires de Oliveira, em Floriano.
O público jovem também tem suas obras. O Maringá Skate Park, na Vila Olímpica, será inaugurado dia 14 de dezembro. E a reforma do Centro de Ação Cultural (CAC) permitirá ampliar cursos gratuitos para adolescentes e classe artística. Inauguração em 12 de dezembro. Ainda obras de recuperação do Contorno Sul que seguirão até 2020.
PRÓXIMAS – Em breve começam obras no Parque Tecnológico de Maringá, na avenida Nildo Ribeiro da Rocha. Já foram assinados nove primeiros contratos de empresas que construirão suas unidades no Parque de TI.
Outra obra muito aguardada é a pista de caminhada do Parque do Ingá. Investimento de R$ 4,6 milhões mudará cenário da região muito utilizada pelas famílias para lazer. Pista terá 3km de piso emborrachado, iluminação de led e espaços de convivência.
Planilha da Secretaria de Obras Públicas (Semop) prevê ainda para 2020 viadutos no Contorno Norte, escola, Centro Municipal de Ensino Infantil (CMEI), Unidade de Pronto Atendimento (UPA), trevo do Shopping Catuai, reforma da rodoviária, ciclovias, recape asfáltico, casas em Iguatemi, entre outras.
Destaque para Eixo Monumental. Área de 169 mil m² em trecho de quase 2 km de extensão, entre a catedral Nossa Senhora da Glória e a Vila Olímpica. Investimento previsto de R$ 50 milhões para quadras esportivas, ciclovia, espaços de convivência, áreas para pets, calçadão, entre outros.
O IPPLAM fez dez audiências sobre o Plano Diretor e mais apresentações sobre o Eixo Monumental para associações e entidades esse ano. Foram registradas 29 situações sugeridas por 187 pessoas. Como espaço de lazer, parques, abertura e duplicação de vias, ciclovias, entre outras que serão avaliadas pela prefeitura. PMM

Comentários

comentários