Futebol

Athletico atropela o FC Cascavel na Arena da Baixada e está praticamente na final do Estadual

O Athletico conseguiu uma grande largada rumo à final do Campeonato Paranaense de 2020. Na Arena da Baixada, o time atropelou o FC Cascavel por 5 a 1, na noite deste domingo (26). A partida era o primeiro duelo pelas semifinais da competição.

Com o resultado, o Furacão pode até perder o jogo de volta – desde que por no máximo três gols de diferença – que ainda assim garante vaga na decisão. A partida está marcada para a próxima quarta-feira (29), às 18 horas, no estádio Olímpico Regional, em Cascavel.

AMBIENTE

A Arena Baixada estava com o teto retrátil fechado na partida deste domingo. E sem público, por causa da pandemia do coronavírus. O jogo parecia disputado em um ginásio, por causa da acústica peculiar do espaço todo fechado. Diante do Londrina, quando o Athletico goleou por 5 a 0, ainda nas quartas de final, o teto retrátil da Arena estava aberto.

HISTÓRICO

No confronto entre os dois na primeira fase do Paranaense, o FC Cascavel venceu por 1 a 0. Na ocasião, contudo, o Athletico usava o time de aspirantes, treinado por Eduardo Barros. Desta vez, usou o tprincipal, comandado por Dorival Júnior.

SÉRIE INVICTA

Ate o jogo deste domingo, o Athletico ostentava uma série invicta de 15 jogos na Arena da Baixada (oito em 2020 e sete em 2019). A última derrota no estádio foi em 13 de outubro, para o badalado Flamengo de Jorge Jesus, por 2 a 0. Ou seja, são nove meses sem perder como mandante. Desde então, foram 12 vitórias e três empates no local.

ARTILHEIROS

Com o gol deste domingo, Bissoli virou o artilheiro do Athletico em 2020, com 7 gols em 8 jogos, um a mais que Pedrinho (6). Bissoli fez seis no Paranaense e um na Libertadores. Pedrinho marcou os seis no Estadual. Ambos são artilheiros da competição, bem como Lucas Tocantins, do FC Cascavel.

ESCALAÇÃO

O Athletico repetiu praticamente a mesma escalação que havia goleado o Londrina na última quinta-feira. A exceção era na latera-esquerda. Por opção, o técnico Dorival Júnior colocou Márcio Azevedo em vez de Abner. O Furacão entrou num 4-1-4-1. Wellingon jogava mais recuado no meio-de-campo, com Leo Cittadini e Marquinhos Gabriel de meias centrais, Nikão na direita e Carlos Eduardo na esquerda. “A campanha do Cascavel mostrou que não é uma equipe que veio só para participar”, disse Dorival.

PRIMEIRO TEMPO

Embora tenha tido a primeira chance de gol do jogo – com Bissolli, aos 2 minutos – o Athletico sofreu com a pressão inicial do FC Cascavel. O time do interior mostrava um ritmo forte e dificultava as coisas. Mas o Furacão fez o gol mesmo assim. Aos 23 minutos, Marquinhos Gabriel cobrou falta para a área e Lucas Halter marcou 1 a 0, de cabeça.

Depois do gol, o Athletico teve mais facilidade para tocar a bola. Marquinhos Gabriel e Leo Cittadini trocavam bastante de posição, o que confundia a marcação. Aos 34, Leo Cittadini, na esquerda, cruzou a bola para a área e Bissolli fez um gol típico de centroavante, ao matar a bola no peito e tocar na saída do goleiro. O FC Cascavel chegou a incomodar depois disso e descontou aos 45 minutos, com gol de Henrique.

SEGUNDO TEMPO

O Athletico voltou com Adriano no lugar de Márcio Azevedo na lateral-esquerda. E aos 30 segundos ele inverteu o jogo para Nikão, que dominou e fez o 3º gol da equipe. Aos 15, em nova jogada de Adriano, Marquinhos Gabriel marcou mais um gol.

Com a diferença grande no placar, o FC Cascavel tentou diminuir o prejuízo, mas demonstrou cansaço a partir dos 20 minutos. Já o Athletico conseguiu três finalizações perigosas e na quarta ampliou o placar, com Bissoli, aos 25, após falha da defesa do time do interior.

Com a vantagem, Dorival colocou Lucho Gonzalez em lugar de Leo Cittadini aos 36 minutos. O time controlou a bola até o apito final.

ATHLETICO 5 x 1 FC CASCAVEL

Athletico: Santos; Erick, Lucas Halter, Thiago Heleno e Márcio Azevedo (Adriano); Wellington; Nikão, Léo Cittadini (Lucho Gonzalez), Marquinhos Gabriel e Carlos Eduardo; Bissoli. Técnico: Dorival Júnior
FC Cascavel: Raul; Líbano, Marcel, Afonso e Quaresma (Willian); Duda, Oberdan e Adenilson; Henrique, Magno e Lucas Tocantins. Técnico: Marcelo Caranhato
Gols: Lucas Halter (23-1º), Bissoli (34-1º), Henrique (45-1º), Nikão (1-2º), Marquinhos Gabriel (15-2º), Bissoli (25-2º)
Cartões amarelos: Henrique, Thiago Heleno, Libano,
Árbitro: Leonardo Sígari Zanon
Local: Arena da Baixada, em Curitiba, domingo

LANCES DO JOGO

PRIMEIRO TEMPO

2 – Marquinhos Gabriel cobra falta. Bissoli, meio da área, desvia de canela. Raul pega

3 – Adenílson tabela com Lucas Tocantins, recebe e bate cruzado. Santos pega

23 – Gol do Athletico. Marquinhos Gabriel cobra falta para a área. Lucas Halter cabeceia forte, no ângulo direito

34 – Gol do Athletico. Após troca de passes no campo de ataque, Cittadini alça a bola à área. Bissolli mata no peito e toca à direita do goleiro

37 – Lucas Tocantins puxa jogada pela esquerda e cruza rasteiro. Oberdan chega batendo e manda à direita do gol

39 – Adenilson cobra falta. Santos defende no pé da trave direita e põe para escanteio

45 – Gol do FC Cascavel. Oberdan toca para Quaresma, que cruza rasteiro para a pequena área. Márcio Azevedo tenta cortar, mas acerta a bola em Henrique, que entrava de carrinho, e a bola entra

SEGUNDO TEMPO

1 – Gol do Athletico. Adriano, na esquerda, inverte o jogo. Nikão recebe na ponta-direita, corta para o meio e bate a gol. A bola desvia em um zagueiro e entra

15 – Gol do Athletico. Adriano cruza. Bissolli e Afonso passam da bola. Marquinhos Gabriel domina e finaliza à direita do goleiro

21 – Bissoli cobra falta com um chute rasteiro. Raul defende

25 – Nikão faz boa jogada e rola para Marquinhos Gabriel, que bate a gol. Raul defende para escanteio. Após a cobrança, Bissoli cabeceia e a bola bate na zaga. Leo Cittadini fica com ela e finaliza à esquerda

26 – Gol do Athletico. Afonso sai jogando e erra o passe perto da área. Bissoli recebe de Nikão na área e chuta no canto direito

33 – Quaresma recebe na área e finaliza. Luca Halter se atira na direção da bola e joga para escanteio

35 – Adenilson recebe de Lucas Tocantins e bate cruzado. Santos espalma

36 – Após contra-ataque, Jajá recebe na área e toca cruzado. O goleiro Raul defende com o pé. Jajá tenta recuperar a bola, mas a zaga afasta

45 – Oberdan arrisca de fora da área. A bola sai à direita

47 – Adenilson cobra falta e manda por cima do gol

Bem Paraná – (Foto: Miguel Locatelli / Site oficial do Athletico)

Comentários

comentários