Beleza

Uma ideia irreal de beleza

Injeções de ácido hialurônicoBotox e as harmonizações faciais fizeram com que muitas pessoas, insatisfeitas com detalhes de suas fisionomias, buscassem um médico dermatologista para corrigir uma coisinha aqui e outra ali. Os procedimentos, no entanto, saíram do controle – principalmente entre adolescentes, jovens adultos e celebridades. Influencers digitais, principalmente mulheres e cada vez mais jovens, são vistas com suas bocas carnudas, sobrancelhas arqueadas, maçãs do rosto e queixo proeminente.

Talvez a moda tenha começado com o clã Kardashian, as famosas irmãs americanas conhecidas por suas constantes transformações. A mais nova delas, a bilionária Kylie Jenner, fez fortuna ao aumentar os lábios já aos 16 anos. Todas queriam ser Kylie. A jovem lançou até uma linha de batons para que seus fãs pudessem sonhar com o mesmo sorriso. Hoje ela possui uma das empresas de maquiagens mais badaladas do mundo. Seu rosto, por ser artificial, é comum e pode ser conquistado por qualquer um. Até as próprias irmãs brincam: “Isso aconteceu mil faces atrás”. Elas contam os anos à medida que as mudanças estéticas evoluem.

Lady Gaga, Anitta, Luísa Sonza, Megan Fox e Cleo Pires são apenas algumas das famosas que se renderam às injeções e, ao olhar suas expressões, as semelhanças são imensas. Não há olheiras, lábios finos, linhas naturais de expressão na testa – somente os mesmos traços em todos eles: maçãs do rosto e queixo salientados e os lábios exageradamente fartos. A prática ganhou até um nome: “The Instagram Face”. Isso porque os filtros da rede social estimulam a pessoa comum a ver-se como se tivesse ela mesma se submetido a tais práticas, é possível “experimentar” diversos rostos.

Ao contrário das cirurgias plásticas, que demandam anestesia geral, hospitalização e devem ser pensadas cuidadosamente, as injeções estéticas são temporárias e muitas vezes aplicadas legalmente em consultórios de dentistas. Há riscos, claro, mas hoje eles são menores, considerando-se uma mesa de operação. O problema, contudo, está na padronização da identidade: traços familiares são deixados para trás e o que fica é uma ideia irreal de beleza.

MSN beleza

Comentários

comentários